Posso queimar gordura correndo?

Adicionada em 27 de agosto de 2014

A corrida de rua é uma ótima alternativa para perder peso e centímetros. Mas quando o assunto é a queima de gordura, o tema fica um pouco mais complicado.

Em um primeiro momento a perda de água durante o exercício é bastante grande, fazendo com que você perca peso. Mas, depois dessa primeira fase, começa o processo de eliminar gordura, que é muito mais difícil porque está ligada a intensidade dos treinos e a aceleração metabólica. Entender a diferença entre a queima de gordura e a perda de peso, realmente, não é tão simples. Por isso, explicamos o que é cada uma delas e o que você precisa fazer para conquistar o corpo dos sonhos.

Como acontece a queima de gordura?

O corpo usa carboidrato e gordura como fonte de energia para a corrida. A proporção de carboidratos e de gordura que ele aciona depende da velocidade e da intensidade do seu treino. Para corridas de alta intensidade, como os intervalados, o corpo vai confiar mais nos carboidratos como combustível principal, porque eles fornecem energia de forma mais rápida. Mas quando você corre por muito tempo e em um ritmo mais lento, o organismo começa a usar a gordura como fonte de energia. É aí que a queima de gordura é facilitada.

O gasto energético de uma atividade está relacionado à intensidade do exercício. Apesar de as corridas com intensidades maiores gastarem mais calorias, a queima de gordura é facilitada em treinos mais longos.

O que é preciso para perder peso correndo?

Provavelmente, você deve estar pensando agora que para perder gordura é preciso, apenas, fazer treinos maiores e mais lentos. Apesar de facilitar a perda de gordura, essa não é uma verdade absoluta.

Na realidade, quando você está tentando perder peso, não importa tanto o tipo de combustível que você usa. Só porque o seu corpo recorreu à gordura como energia não significa que você está perdendo gordura ou queimando mais calorias. Para perder peso, de fato, você precisa queimar mais calorias do que ingere. A regra é simples.

O emagrecimento depende não somente do gasto energético em exercícios, mas também da taxa metabólica basal, que somados geram a quantidade total de calorias gastas por dia. Por isso, a somatória de calorias ingeridas diariamente não deve ultrapassar a quantidade de calorias gastas na corrida. É isso que gera um balanço calórico negativo e, consequentemente, faz com que você enxugue. Se você apostar em atividades aeróbias somadas a um acompanhamento nutricional voltado para o emagrecimento já verá os resultados nas primeiras semanas.

Como calcular as calorias gastas com a corrida?

Já que é importante que você saiba exatamente quantas calorias gasta nos treinos (para não extrapolar na quantidade de calorias ingeridas), é preciso colocar na ponta do lápis alguns dados.

Para que saiba, o gasto energético de uma atividade é calculado a partir do consumo de oxigênio no estado de equilíbrio durante o exercício. Para calcular esse gasto energético é usado como referência os valores do MET (Equivalente Metabólico da Tarefa). Cada uma das tarefas segue um coeficiente metabólico. Esses números, somados a dados como peso e tempo de atividade, dão um resultado em calorias.

Para descobrir o MET de cada atividade, é necessário consultar uma tabela que indique o valor de cada atividade. Por exemplo, o MET de uma corrida intensa é de 10. Entenda abaixo o cálculo.

O cálculo é feito através da seguinte fórmula:

  • Gasto calórico = MET x Peso x Tempo de atividade (min) / 60
  • Para a corrida, o MET segue a lógica de diferentes intensidades. A leve para indivíduos entre 20 e 39 anos equivale a 4,7. A moderada fica no 7,1. A intensa se refere a 10,1, enquanto que a corrida muito intensa equivale a 12.
  • Assim, um corredor de 29 anos, com 70 kg que aposta em uma corrida intensa de 60 min gastará 700 Kcal. Veja a fórmula abaixo.
  • Gasto calórico = 10 x 70 x 60 / 60 = 700 Kcal

Agora faça você também os cálculos para os seus treinos, fique atento ao que coloca no prato e se dedique a corridas intensas e aos longões de forma progressiva. Certamente, os resultados aparecerão e você eliminará a gordura tão indesejada.

(Fonte: Felippe Norimatsu, professor da Reebok Sports Club)